Comportamento Uso de smartphones para compras on-line tem crescimento significativo

Uso de smartphones para compras on-line tem crescimento significativo

Por Aline Truchetti em 28 de novembro de 2019

O uso de smartphones para compras digitais ganhou uma popularidade gigantesca nos últimos anos. Saiba quais são os impactos causados por essa tendência!

A essa altura do campeonato você já deve ter percebido que os avanços tecnológicos influenciam no comportamento dos consumidores.

Podemos dizer que inúmeras possibilidades estão a um clique de distância dos usuários, sendo assim, as empresas que não acompanham essa evolução ficam para trás.

Outro fator importante é que as vendas on-line estão alcançando as lojas físicas, como mostra uma pesquisa feita pelo Google em parceria com a consultoria Provokers.

Segundo informações, na Black Friday deste ano, 38% das intenções de compra são pela internet, enquanto 37% optaram pela loja física.

Entende-se que os empreendedores que desejam alavancar seus negócios devem ficar atentos a essa tendência do mercado.

A facilidade e praticidade dentro de uma loja virtual garante uma experiência de compra positiva, um ponto importante para conquistar clientes e converter vendas.

Essas são boas notícias para quem possui um e-commerce, porém, as mudanças não param por aqui. Continue a leitura e descubra como o crescimento do uso de smartphones pode afetar sua loja.

Aumento do uso de smartphones

A preferência pelos aparelhos móveis está crescendo, ou seja, as pessoas estão se adaptando rapidamente a uma nova maneira de consumo.

Logo, o smartphone se tornou a sensação do momento e o atual queridinho para a realização de compras on-line.

Veja o que mostra a pesquisa divulgada pela TIC Domicílios:

Infográfico uso de smartphones está crescendo
Outros dados mostram ainda que 89% dos usuários acessam a internet todos os dias, sendo que há cinco anos, esse percentual era de 71%

Crescimento das compras m-commerce

O m-commerce, em poucas palavras é a utilização de dispositivos móveis, smartphones ou tablets, para realização de compras on-line.

Nos últimos anos, o número de pessoas que possuem um smartphone com internet deu um salto, resultando também no aumento do consumo por meio desse aparelho.

Ter o poder de compra na palma da mão caiu rapidamente no gosto do consumidor, que já se adaptou a essa praticidade.

Prova disso é que, 73% das pessoas preferem comprar pelo smartphone e apenas 27% optaram pelo desktop. É o que revelou um levantamento feito pelo Panorama Mobile Time e Opinion Box – Comércio móvel no Brasil, divulgado em setembro deste ano.

A mesma pesquisa mostrou quais são as lojas mais acessadas e os produtos mais pesquisados:

Infográfico uso de smartphones para compras on-line
Nos últimos cinco anos a proporção de internautas que experimentaram o comércio móvel passou de 41%, em 2015, para 85%, em 2019, ou seja,
um ganho de 44 pontos percentuais

Portanto, pode-se afirmar que a expectativa é que esse mercado cresça ainda mais.

Principais aplicativos de mensagens usados no Brasil

Os aplicativos de mensagens também são grandes companheiros dos brasileiros.

Porém, deixaram de ser usados apenas para troca de mensagens pessoais e passaram a integrar o mundo do comércio eletrônico.

Mesmo não substituindo um e-commerce, esses canais se tornaram bons aliados para que os lojistas alcancem seu público.

Dessa forma, é possível agilizar o atendimento e ficar mais próximo do cliente.

A popularidade de apps como WhatsApp, Facebook Messenger, Instagram e Telegram marcam essa mudança no processo de procura e oferta. Veja:

Gráfico uso de smartphone e aplicativos de mensagem para compras digitais
Foram entrevistados 1.873 internautas que têm o WhatsApp instalado; 1.512/Facebook Messenger instalado; 1.369/Instagram instalado; e 354/Telegram instalado

WhatsApp lidera ranking de acesso

Apesar da volta significativa do uso do Facebook Messenger neste ano, se comparado a 2018, como mostra o gráfico acima, o WhatsApp continua em primeiro lugar.

Em março, 61% dos entrevistados disseram que já encomendaram produtos ou serviços pelo WhatsApp e em agosto, 98% dos usuários afirmaram acessar o aplicativo todos os dias ou quase todos os dias.

Gráfico do uso de smartphone para acessar aplicativos de mensagem
A pesquisa aponta que apenas 0,5% dos entrevistados nunca ou quase nunca acessaram o WhatsApp

Confira também o número de pessoas que afirmam já terem usados os aplicativos de mensagens para contato com lojistas:

Gráfico de aplicativos de mensagens para se comunicar com empresas e marcas
Além disso, os entrevistados afirmaram que o WhatsApp é o melhor canal para tirar dúvidas e receber suporte técnico

Catálogo para pequenas empresas

Sendo assim, para facilitar a interação entre pequenos negócios e seus potenciais clientes, o aplicativo anunciou uma novidade.

De agora em diante será possível criar um catálogo de produtos dentro do WhatsApp Business.

Essa opção funciona como uma vitrine virtual, onde os comerciantes poderão expor e compartilhar suas mercadorias.

Antes era necessário enviar fotos e informações diretamente aos clientes, mas a partir de agora é possível adicionar fotos com descrição, link, preço e código dentro desse catálogo.

A ferramenta está disponível para sete países, incluindo o Brasil, porém a estimativa é que, em breve, o mundo todo possa utilizar esse recurso.

Entenda a importância de um e-commerce responsivo

Primeiramente, o que é responsivo?

Esta é uma opção que permite a adaptação da sua loja para todos os tipos de telas.

Um site responsivo proporciona ao usuário uma navegação dinâmica e completa em qualquer aparelho.

A importância desse recurso está no aumento do número de internautas que usam o smartphone para acessar a internet, como mostrou o primeiro infográfico.

Então, caso seu e-commerce não seja responsivo, essa análise é um alerta para você.

Garantir uma experiência de usabilidade positiva rende muitos pontos extras nas avaliações dos consumidores, por isso, procure manter sua loja nos dois primeiros grupos deste quadro:

M-commerce garante satisfação dos clientes
A faixa etária das pessoas que nunca compraram pelo smartphone é de mais de 50 anos de idade

Conclusão

Os smartphones permitem que diversas classes sociais tenham acesso à internet e, consequentemente, a todos os segmentos de e-commerce.

Falamos ainda sobre a popularidade dos aplicativos e como isso colaborou para o crescimento do número de pessoas que compram usando os smartphones.

Essas mudanças estão fazendo com que os usuários queiram mais comodidade em todas as suas atividades do dia a dia.

Efetuar compras no conforto de casa, sem precisar enfrentar trânsito, Sol ou chuva, está fazendo com que o consumidor repense seus conceitos.

Conhecer esses números e entender todos os fatores que podem atingir diretamente seu negócio é de grande proveito.

Agora você está preparado para dar início as mudanças necessárias e deixar sua loja pronta para o sucesso de vendas.

Comente, sugira e participe: