E-commerce Reputação on-line: 4 atitudes que ajudarão a construir a autoridade da sua marca

Reputação on-line: 4 atitudes que ajudarão a construir a autoridade da sua marca

Por Aline Truchetti em 11 de março de 2020

Construir e manter uma boa reputação on-line é de extrema importância para a sobrevivência de qualquer negócio, já que mais do que nunca, isso influencia diretamente na decisão de compra do consumidor.

Chamados de “detetives” pela Criteo, os consumidores passaram a adotar o processo de investigação durante a jornada de compra.

Isto é, com o fácil acesso e a agilidade na busca de informações, os usuários consultam dados relacionados ao atendimento, qualidade, suporte, entrega, enfim, tudo o que envolve a loja e o serviço prestado.

Infográfico reputação on-line
Pesquisas afirmam que a reputação interfere na decisão de compra e na taxa de conversão

Assim, essa prática se transformou em uma corrente de pesquisas e passou a influenciar fortemente na decisão de compra.

Portanto, caso a sua empresa não esteja em dia com a reputação e avaliações on-line, as chances de ser descartada como uma opção, são ainda maiores.

E para evitar essa dor de cabeça, existem algumas medidas que devem ser tomadas, veja quais são:

1. Responda todas as reclamações com agilidade

Dar suporte e atenção aos problemas do seu cliente é uma prioridade, afinal, eles confiaram na sua empresa e no seu produto.

Então, esteja sempre atento quanto as notificações relacionadas a garantia, troca, devolução ou qualquer outra dúvida que surja pelo caminho.

Aliás, se as tentativas resultarem em frustração ou decepção, tenha consciência que será muito mais difícil reconquistar o consumidor.

Além disso, situações como esta, certamente renderão avaliações negativas que poderão afetar o desempenho do seu negócio.

2. Evite falsas promessas

Outro erro comum e que pode ser fatal é prometer algo que você não poderá cumprir.

Por exemplo, defina um prazo aceitável e realista para solucionar o problema.

Afinal, ao analisar a situação e ser transparente em relação ao período de execução, você evita possíveis aborrecimentos com atrasos ou falta de efetividade.

Ofereça soluções efetivas, chegue a um acordo e conquiste sua compreensão.

Em hipótese alguma tente enrolar o consumidor, em outras palavras, trabalhe com transparência, pois ele preza pela honestidade.

3. Exiba o lado humano da sua marca

Em meio a evolução tecnológica, muitas vezes nos esquecemos que uma abordagem mais simples e humana pode mudar o rumo da conversa.

Somos pessoas e vendemos para pessoas!

Por isso, tenha consciência de que o consumidor deseja sua atenção em relação a dificuldade que ele está enfrentando.

Então, esteja aberto para escutar atentamente o que ele tem a dizer, se solidarize com sua dor e se esforce ao máximo para atender seu pedido.

Quando passamos a exercer a empatia, na maioria dos casos, ela retorna para nós.

Trate o consumidor da mesma forma que você gostaria de ser tratado!

4. Acompanhe e monitore sua reputação on-line

Fique de olho nas métricas para saber quais são as dificuldades que os usuários estão enfrentando ao tentar comprar com você, desse modo, será mais fácil resolver o impasse.

Acompanhe também os sites de reclamações e avaliações nas redes sociais e fique por dentro de tudo que estão falando sobre sua empresa.

Reverencie feedbacks positivos e use os negativos para mudar aquilo que precisa ser melhorado.

E jamais permita que o estresse tome conta da situação, pois ao perder a calma e discutir com um consumidor utilizando palavras de baixo nível, o impacto será, com certeza, desfavorável ao seu negócio.

Infográfico sobre a reputação de uma loja on-line
A Social Miner realizou uma pesquisa sobre as intenções do Dia do Consumidor, que mostrou dados importantes sobre a relevância que uma boa reputação tem no momento da decisão de compra

Conclusão

Neste artigo você conheceu alguns itens essenciais para a construção e manutenção da reputação on-line da sua marca.

Através dessas, que parecem simples, mas são grandes atitudes, o seu negócio estará cada vez mais próximo de cativar leads, fidelizar clientes e, consequentemente, aumentar a demanda e vendas.

Sabemos que é praticamente impossível agradar 100% dos consumidores, entretanto, tente chegar e permanecer perto deste número.

Mesmo na internet, o “boca a boca” continua presente e influenciando na decisão de compra, contudo, ao seguir essas dicas, o restante será um sucesso!

Comente, sugira e participe: