Dicas IGTV como estratégia de marketing digital para o seu negócio

IGTV como estratégia de marketing digital para o seu negócio

Por Jaqueline Piva em 15 de outubro de 2019

Você já assistiu algum vídeo no IGTV? Sabe como funciona essa ferramenta e para que ela foi lançada?

O IGTV nasceu para concorrer diretamente com o YouTube, plataforma de vídeo mais acessada no mundo. Parece loucura tentar alcançar o YouTube, mas, hoje, o Instagram é a rede preferida dos usuários.

Os stories deram abertura para que a preferência em assistir vídeos seguidos um do outro, aumentasse o consumo por esse conteúdo.

Além disso a plataforma possui uma limitação de tempo quanto a vídeos no feed, e em alguns casos para produtores de conteúdo, o tempo é insuficiente para tratar asssuntos mais longos.

Diante essa necessidade e o crescimento da rede social, o IGTV nasceu para oferecer em uma só plataforma, os formatos completos mais consumidos por seus usuários.

Muitos dos produtores de conteúdo do YouTube, também estão presentes no Instagram e para plataforma esse movimento de convergência é uma aposta para o futuro.

Como funciona o IGTV

Um pouco diferente do funcionamento do Instagram, para postar um vídeo no IGTV é preciso grava-lo antes. Não é possível tirar fotos ou gravar vídeos instantaneamente ao abrir a tela, os vídeos enviados para o IGTV devem estar na galeria.

Motivo disso é que os vídeos tenham melhor qualidade e o conteúdo seja relevante, sem que possam gravar impulsivamente. Além disso, o IGTV só aceita vídeos verticais na proporção 9:16 com resolução mínima de 720 pixels. Uma diferença entre o os vídeos do IGTV para o YouTube é que, no Instagram eles podem ser gravados e postados todo em formato vertical, assim como gravar um stories.

Para compensar a falta de tempo do feed e do stories, os vídeos podem ter até 1 hora de duração. Mas nem todos os usuários podem publicar vídeos de até 60 minutos, apenas pessoas verificadas e com grande número de seguidores. Os demais, podem postar vídeos entre 15 seg até 10 minutos.

Para subir os vídeos existem duas forma, pelo próprio aplicativo do Instagram ou pelo aplicativo do IGTV, disponível para Android e IOs.

O alcance dos vídeos é baseado no interesse do usuário, no que é relevante pra ele, então o conteúdo deve ser voltado exclusivamente para o que eles querem ver e não para o que você quer mostrar. Os vídeos postados aparecem para os seguidores, mas de acordo com relevância e engajamento. Mas vale lembrar que antes ele verá os recomendados.

Para postar os vídeos você deve classifica-lo em alguma categoria, onde os usuários podem escolher qual deseja assistir naquele momento. São elas:

Para você: vídeos recomendados para o usuário de acordo com suas preferências, incluindo conteúdo de perfis que ele segue e os que não segue também.

Populares: vídeos populares no Brasil, não importa a categoria ou relevância do conteúdo.

Seguindo: vídeos de perfis que o usuário segue ordenados começando do mais recente para o mais antigo.

Continuar seguindo: vídeos que o usuário começou a ver, mas não continuou.

Em relação a interação, é possível curtir, comentar e encaminhar os vídeos para os amigos. Já o criador do conteúdo pode compartilhar o vídeo com os amigos por mensagem direta.

Todos os usuários podem tanto consumir conteúdo como produzir. O objetivo da plataforma é se tornar uma TV online para mobile, então se você quer um espaço, produza seu conteúdo relevante para os usuários, crie o seu canal.

Tipos de conteúdo para o IGTV

Se você não enxerga um caminho do IGTV para a sua loja virtual ou para o seu negócio, iremos te mostrar que é possível sim oferecer um bom conteúdo e atrair clientes da plataforma.

Os tipos de conteúdo da plataforma podem variar de acordo com a jornada do cliente e seus objetivos. É importante que para a estratégia ser eficaz, o ponto de partida se dê de um planejamento estratégico de marketing digital, onde contenha o objetivo, datas de publicações, os conteúdos, roteiros e responsáveis.

Algumas ideias de conteúdo

Webinars

Os webinars já fazem sucesso em qualquer circunstância e é muito utilizado como estratégias de diversos segmentos. Se programe para fazer um webinar e gerar autoridade para a sua marca. Trate de um assunto que seja uma dúvida dos clientes, alguma novidade, assuntos no qual possuem expertise.

Esse formato de vídeo tem um teor educativo e deve ser feito com um planejamento antecedente, um roteiro de tudo que irá falar é muito importante para não se perder durante e estender o assunto. A gravação deve ser feita em um local que aparente um espaço profissional.

Tutoriais

Os tutoriais são um formato muito interessante para produtos em que uma demonstração de montagem, de uso, ou que possua detalhes seja necessário. E o que seu público quer saber e aprender? Mostre o que interesse a eles ou que eles não teriam a oportunidade de ver de nenhum outro formato e jeito.

Ele pode ser gravado com uma pessoa ministrando alguma demonstração, explicando algo. Pode não precisar de alguém e conter apenas áudio, ou nenhum dos dois.

Demonstração de produto

Vídeos de demonstração de produto são sempre estratégias que atraem o público interessado e direcionado. Através desse vídeo clientes podem decidir se será essa solução que irá suprir a sua dor.

Por isso deve ser feito por alguém que entende do produto e do que está falando, pois, qualquer expectativa que seja passada de forma errada, pode ser acarretada em vendas perdidas.

Vídeos Institucionais

Uma outra dica é gravar vídeos institucionais, aqueles em que são apresentados critérios internos da empresa.

Nestes casos, os vídeos têm como objetivo transmitir aos espectadores missão, visão e valores da empresa. Pode também mostrar questões internas, apresentar equipes. Vai um pouco além do que mostrar só o produto.

Com esse tipo de vídeo você consegue melhorar a comunicação com seu público e se tornar mais próximo.

De forma rápida é possível transparecer os ideais da empresa e se utilizar de outras estratégias pra isso ainda, como os storytelling.

Vídeos Educativos

Nada melhor que ajudar suas personas a solucionarem suas dores através de vídeos educativos. Trazer assuntos relevantes e de interesse do público, de forma que eles aprendam novos conteúdos gera alto valor para a sua marca.

Os vídeos educativos podem ser combinados com outros tipos de conteúdo como tutoriais e webinars.

Não é necessário grande produção com cenário, câmeras, mas roteiro estruturado e conteúdo preparado é essencial para vídeos educativos.

Conclusão

O IGTV pode fazer com que o público se aproxime da sua marca e conheça mais a sua empresa, pode te ajudar a vender mais através da demonstração de produto e pode gerar credibilidade para a sua loja.

Apesar dos vídeos estarem em alta e ser consumido por grande parte dos usuários, o IGTV ainda não é utilizado com e explorado por lojas virtuais.

Então aproveite e comece com a sua estratégia e se diferencie do mercado.

Comente, sugira e participe: