Dicas O profissional do futuro: quais são suas habilidades e características

O profissional do futuro: quais são suas habilidades e características

Por Jaqueline Piva em 30 de outubro de 2018

O futuro muda constantemente, e como algo incerto, é difícil prever quais serão as necessidades das empresas ao passar dos anos. Mas tendo como base o presente, alguns comportamentos que hoje são cobrados, deverão ser aprimorados e requisitos primordiais daqui algum tempo.

Quando falamos de indústria 4.0 há sempre o medo de perdermos os empregos para as máquinas, o que parece óbvio, mas que não funciona bem assim. Por um lado, teremos máquinas fazendo trabalhos manuais exercidos por humanos, mas teremos novas profissões fruto dessa mesma tecnologia.

O que passará por mudanças será o formato de trabalho. Os freelancers serão mais comuns e as pessoas terão trabalhos e contratos mais curtos, porém com tempo para se dedicar para mais de um emprego.

 

O novo perfil profissional

Para ocupar uma carreira no futuro, algumas habilidades e mentalidades serão destaque. Com as mudanças constantes da tecnologia, as habilidades que você tem hoje podem não ser tão mais úteis amanhã.

Com essa linha de raciocínio, recrutadores de grandes empresas afirmam que a maior característica aplaudida por empresas é o funcionário com facilidade para “aprendizado contínuo”. Essa mentalidade será fator principal e não apenas mais um diferencial.

 

Mas o que seria “aprendizado contínuo”?

É aquele que busca por conhecimento continuamente, sem estacionar ou deixar ‘envelhecer’ seus conhecimentos. Para acompanhar a indústria e suas inovações, será preciso estar em processo de aprendizado contínuo. As empresas necessitarão de uma geração que tenha fome de aprender e se manter no ritmo das mudanças.

A habilidade de adquirir novos conhecimentos será mais importante do que o conhecimento em si. Habilidades gerais como flexibilidade, empatia, gestão, multifuncionalidade e resiliência serão ainda mais importante dentro de uma empresa e ao longo da vida.

 

Diferença entre o profissional tradicional e o profissional do futuro

Existe sim uma diferença entre funcionários e modelos de empresas tradicionais para as visões do futuro, que estão começando a ser trabalhadas.

O profissional tradicional recebe ordens de forma hierárquica, linear, ou seja, as orientações do seu trabalho são repassadas e você cumpre de forma impessoal e individual, valorizando o processo técnico.

Os profissionais do futuro interagem mais no ambiente em equipe, respeitando a hierarquia, mas de forma que valorize a equipe e cada colaborador. É valorizado o desenvolvimento pessoal dentro da empresa tanto como desenvolvimento técnico das funções.

 

Conclusão

Para se adequar ao ambiente de trabalho do futuro, a dica é: esteja apto a acompanhar as mudanças. Para você se manter dentro da sua empresa, seja aquele colaborador que possa contribuir para todas as áreas e departamentos.

Comente, sugira e participe: